Cuidados com o mosquito da dengue no inverno
27/08/2019 - 15:20

O QUE É DENGUE ?

A dengue é uma doença febril aguda causada por vírus, sendo um dos principais problemas de saúde pública no mundo. É transmitida pelo mosquito aedes aegypti, que se desenvolve em áreas tropicais e atualmente tem na vacina uma forma de prevenção.

TOME A VACINA

A vacina contra dengue que é feita com vírus atenuados foi criada para prevenir a manifestação do vírus e atualmente apenas uma foi licenciada no Brasil. Sua tetravalência protege contra os quatro tipos de dengue existentes, possuindo a estrutura do vírus vacinal da febre amarela, dando-lhe mais estabilidade e segurança.

QUAIS SÃO OS SINTOMAS DA DENGUE?

Os principais sintomas da dengue são

  • febre alta (38.5ºc)
  • dores musculares intensas
  • dor ao movimentar o olhos
  • mal estar
  • falta de apetite
  • dor de cabeça
  • manchas vermelhas no corpo

No entanto a infecção por dengue pode ser assintomática (sem sintomas), leve ou grave, podendo levar a morte. Normalmente a primeira manifestação da dengue é com febre alta acompanhada de dor de cabeça, dores no corpo e nas articulações.

Na fase febril inicial da dengue pode ser difícil diferenciá-la da forma mais grave da doença que inclui dor abdominal intensa e continua. É importante procurar um serviço de saúde para diagnóstico e tratamento adequados, todos oferecidos de forma integral e gratuita por meio do sistema único de saúde (SUS).

DENGUE TEM CURA?

A dengue, na maioria dos casos, tem cura espontânea depois de10 dias. A principal complicação é o choque hemorrágico, fazendo com que o coração perca a capacidade de bombear o sangue necessário para todo o corpo, levando a problemas graves em vários órgão e colocada a vida da pessoa em risco.

O INVERNO REQUER CUIDADOS CONTRA O MOSQUITO DA DENGUE

No inverno os cuidados contra a dengue diminuem, isso ocorre porque o mosquito transmissor da doença, o aedes aegypti, circula menos, mas se os criadouros não forem eliminados os ovos depositado podem permanecer intactos por meses e quando a estação quente recomeçar eles vão eclodir, dando origem a um novo ciclo do mosquito da dengue.

No inverno existe uma redução da circulação viral, mas não podemos nos descuidar, pois é neste momento que devemos redobrar a atenção quanto às medidas preventivas contra a doença

COMO PREVENIR

A melhor forma de prevenção da dengue é evitar a proliferação do mosquito, eliminando a água parada em pontos que podem se tornar criadouros, como vasos de plantas, pneus, garrafas plástica e até recipientes pequenos como tampas de garrafas podem conter larvas de mosquitos.

Para quem for viajar em férias a orientação é substituir a água dos pratos dos vasos de plantas por areia, deixar a caixa d’água tampada, cobrir todos os reservatório de água como piscinas por exemplo, não deixar água da chuva acumular sobre a laje, colocar o lixo em sacos, manter as lixeiras bem fechadas e não jogar lixo em terrenos baldios.

CAUSAS

A dengue não é transmitida de pessoa para pessoa e a transmissão ocorre pelo mosquito que, após um período de 10 a 14 dias contados depois de picar alguma pessoa contaminada pode transportar o vírus da dengue.

O CICLO DE TRANSMISSÃO

A fêmea do mosquito deposita seus ovos em recipiente com água, ao saírem dos ovos as larvas vivem na água por cerca de uma semana, após este período o mosquito adulto se contamina ao picar uma pessoa infectado com o vírus e a partir de então transmite para para outros serem humanos.

A velocidade em que o mosquito aedes aegypti procria é muito rápida e o mosquito da dengue adulto vive em média 45 dias.