Corpo de Bombeiros do Paraná - Por uma vida todo sacrifício é dever!

Links Úteis

4º GB - Cascavel

10/11/2017

Reunião Esclarece Sobre Atuação da Defesa Civil e Atribuição de Cada Secretaria

As ações da Defesa Civil e o Plano de Contingência que estabelece as diretrizes para situações de emergências foram temas da reunião realizada na manhã de terça-feira (7). O prefeito Lucio de Marchi, secretários municipais, representantes da Secretaria de Segurança e Trânsito e do Corpo de Bombeiros participaram do encontro que aconteceu no gabinete. Em pauta: aos problemas decorrentes das chuvas registrados nas últimas duas semanas no município.

1

A reunião serviu para alinhar e esclarecer os trabalhos da Defesa Civil, além de instrução básica para utilização do Plano de Contingência do município uma ferramenta de gestão que estabelece as ações e diretrizes em desastres, e permite o mapeamento de áreas de atenção.



De acordo com o comandante do Corpo de Bombeiros de Toledo Luís Eduardo Zarpellon, o objetivo da reunião foi definir as funções que cada um tem dentro da Defesa Civil do município. “Nas últimas semanas tivemos vários eventos de ordem natural que causaram prejuízos tanto particulares como para o município e durante os trabalhos se identificaram alguns pontos que podem ser melhorados dentro desse fluxo da Defesa Civil. Essa foi uma excelente iniciativa da Secretaria de Segurança, justamente para entender qual é o seu papel. Cada secretaria tem sua parcela de funções e responsabilidade frente as diversidades. A Defesa Civil somos todos nós”.
Durante a reunião, Zarpelon apresentou o Plano de Contingência do município para que o poder público estabeleça a partir deste as ações e diretrizes em desastres. “Quando ocorrer alguma situação, por exemplo, uma queda de árvore, consulta o Plano e aciona a pasta responsável”, detalha.

2

As chuvas registradas nas últimas semanas causaram muitos estragos e as ocorrências estão sendo encaminhadas a Defesa Civil, contudo, nem todos são da competência do órgão explica o secretário de Segurança e Trânsito e coordenador da Defesa Civil, João Vianei Crespão. “Estamos com dificuldade para dar uma resposta imediata à população.
São situações que chegam até nós, mas não são da nossa responsabilidade, contudo, queremos que sejam resolvidas. A Defesa Civil atua no momento de risco, a partir disso, o restabelecimento das condições normais após cabe a cada secretaria, se houver um problema na residência é de responsabilidade do morador”.
O prefeito Lucio de Marchi enfatizou que a explanação envolvendo todas as secretarias foi muito importante até para que os trabalhos sejam mais eficazes quando ocorrem estes fatos isolados, que criam situações pontuais no município. “Somente o trabalho em conjunto vai permitir a rápida resposta em caso de calamidades ou emergências”.



Ele complementa que após a chuva, a Prefeitura tem trabalhado fortemente para resolver primeiramente os problemas emergenciais, como a recuperação das nascentes destruídas pela água, tapa-buracos, muros devastados, destelhamento em espaços públicos, dentre outros. “É uma semana de recuperação. O município está tomando medidas para ajustar essas situações, entre elas estudos de novas galerias. Os investimentos neste ano já somam R$1,8 milhão só em galerias pluviais e é necessário muito mais, por exemplo, na região do Cesar Park, na Rua Capitão Leônidas Marques, Pancera e outras regiões da cidade”.

Fonte: Suzi Lira

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.